Comportamento, Eu testei

Comprar tecnologia no exterior, é mesmo ‘negócio da china’ ?

Uma das coisas que queria colocar no blog, são as experiências que tenho com produtos e serviços em TI, uma delas que as vezes me perguntam é sobre como eu faço pra comprar minhas peças nestes sites no exterior. Então pra quem ainda não tomou coragem, aqui vai meu testemunho:

Eu comecei a comprar itens fora do Brasil em sites como ebay quando procurava um controle remoto universal, daqueles que controlam vários aparelhos em um só. Então notei que muitas coisas que tem lá fora, não vem para cá, mesmo que sejam itens de fabricantes consagrados, como este controle, que era um dos mais simples da linha Sony.
Outra coisa que notei é que em alguns casos o preço era realmente atraente – por exemplo, 11 dólares o controle remoto lá, e aqui apenas um vendedor no MercadoLivre queria me cobrar mais de 200 reais no mesmo produto…Oras, se posso trazê-lo por valor abaixo de 50 dólares, estamos dentro da lei de importação. Tomei coragem e encomendei. Esperei pacientemente por 3 semanas. Um belo dia, o produto chegou em perfeito estado e com a embalagem intacta.
Fiquei muito satisfeito e passei a programar melhor minhas compras… comprava um celular novo, já conferia no ebay se tinha cartão de memória para ele, capinha e mesmo película. Quando não se tem pressa, se aproveita bastante, pois o item demora um pouco a chegar, mas no geral custa uma fração do que se pede aqui no Brasil.
“Mas e quanto ao pagamento?”, isto sempre me perguntam… Hoje temos muitos meios de pagamento eletrônico no Brasil, como PagSeguro, PagamentoDigital, bCash, e na época existia apenas o Paypal, que na prática, é igual a estes acima citados. Ele recebe o seu pagamento, e repassa ao vendedor. Seu cartão não fica circulando pela rede. Um cadastro no PayPal, e você consegue negociar com pessoas do mundo todo, pelo eBay ou outros sites.
Como tudo nesta vida, tem os prós e os contras. Os sites de comércio se esforçam para evitar os larápios digitais, mas antes de comprar deve-se ter atenção a alguns pontos:
– Verificar na ficha do vendedor se possui uma boa pontuação (se é vendedor ouro, prata, etc…)
– Ver o nível de satisfação dos usuários (ler alguns comentários de outros compradores)
– Verificar de onde vem este produto (China, Honk Kong, etc…)
– Comparar o preço com outros vendedores similares – preços muito baixos, desconfie
– Ainda assim, compre itens pequenos, de valor pequeno, e evite qualquer tipo de líquidos (eles costumam extraviar)
– Se algo deu errado com sua compra, abra uma reclamação no site – no geral os bons vendedores costumam fazer de tudo para não levar uma qualificação negativa (o que prejudica outras vendas).
E pra quem ficou curioso -SIM- já comprei gato por lebre, mas dá pra dizer que a relação entre o bom e o ruim está em 90/10, em 5 anos de compras. De outro lado, também tiveram casos interessantes como o walkman que eu comprei das mãos de um rapaz que só queria se desfazer do aparelho, paguei o frete para o Brasil e mais 10 dólares pelo aparelho, chegou melhor do que estava nas fotos (isto é que é honestidade rsrsr)…
Há outros sites interessantes além do Ebay, mas vou deixar isto para um outro tópico, para não ficar muito extenso.
E você, já comprou em sites internacionais ? Conte-nos como foi sua experiência, aqui nos comentários.

4 comentários em “Comprar tecnologia no exterior, é mesmo ‘negócio da china’ ?

  1. Ótimas dicas, Naumes! Eu já comprei no Deal Extreme e chegou tudo certo. Gostaria de comprar coisas mais caras também, como consoles de video game e etc, porém acabei comprando no Brasil mesmo por conta da garantia.
    Mas as dicas são ótimas e vão ajudar muita gente!
    Grande abraço!

    1. Fala Danilo,
      Eu também já comprei games para o xbox 360 por lá, funcionou muito bem, ótimos preços, desde que não seja lançamento. Com cautela, tudo costuma ir bem… Abraço

  2. Sim, eu já comprei do exterior, demorei cerca de 3 meses para receber o produto, mas a culpa não foi do vendedor e sim da nossa querida RF, que taxou o produto.
    Se valeu a pena? Bom pela espera não, mas pelo peço sim, comprei um tablet e o preço veio como 75 doletas! Então tive que pagar metade desse valor.
    Bom o produto chegou ileso, utilizei ainda por 1 ano e dei de presente.
    Claro que também comprei produtos que chegaram rápido, em torno de 15 dias.
    Mas ainda tenho receio de comprar no exterior.

    1. E aí Alex Luna, eu também já trouxe Tablet, sem sorte por dois motivos… Fui taxado também, e meus dois tablets deram algum tipo de defeito. Estou usando ainda mas não compraria mais dessa marca. Entra naquela conta dos 10% que não deu muito certo… Um abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »