Notícias

Tablets de menor custo, vale a pena?

Se você anda procurando um tablet, mas não deseja desembolsar aquela pequena fortuna por um Ipad ou um Galaxy Tab, saiba que existem opções mais acessíveis, dependendo é claro da utilização do seu equipamento.

Muitas pessoas procuram estes equipamentos mais simples, pois não querem o risco de andar com um equipamento caro na bolsa, ou ainda querem iniciar seus filhos neste mundo digital (quando não são os próprios que pedem um tablet).

Pesquisando, encontrei dois grupos de tablets que atendem esta necessidade, os importados, e os nacionais.

Os modelos vendidos lá fora, a preços módicos (entre 50 e 90 dólares), na sua maioria são modelos chineses de baixo custo e as vezes, baixa qualidade também. É loteria, compre um e torça para que não dê problemas, pois o retorno ao fabricante é difícil e custa caro.

Meu conselho é, se você quer comprar tablet chinês, sem marca, compre ao menos na Santa Efigênia, pois além de existir uma garantia mínima para a troca (3 meses geralmente), os lojistas costumam ‘filtrar’ os modelos ruins para que não tenham muitas reclamações/trocas. Via de regra, se chegou na Santa Efigênia, é porque costuma dar pouco problema para o lojista.

Pesquise também no MercadoLivre, mesmo que não vá comprar por lá. Geralmente os mesmos lojistas acima tem páginas no MercadoLivre, e você poderá tirar uma idéia de quais modelos são mais oferecidos, como por exemplo a linha Genesis de tablets.

Se você preferir algo mais garantido de fábrica e com rede de assistência técnica, pode se dirigir aos grandes portais de vendas da internet, sugiro iniciar a busca pelo buscape.com.

Assim, você chegará a tablets de diversos fabricantes, alguns já conhecidos como CCE, TecToy, Gradiente, e outros como Acer, Motorola e HP, já mais caros e de melhor configuração.

Tenha sempre um olho no preço e outro na configuração, confira onde investir suas moedinhas para levar o melhor custo-benefício:

CPU/Processador: Modelos com apenas 1 ou 1.2 Ghz servem apenas para navegação ou aplicativos de vídeo e internet, sendo fracos para multitarefa (mais de um programa aberto ao mesmo tempo). Prefira processadores de 1.5/1.6 ghz ou modelos dual-core ou quad-core, mais velozes.

Memória interna: Influencia no número de aplicativos que conseguirá instalar. Os mais simples vem com 512MB, se puder investir tente algo entre 1 e 2 GB de memória interna.

Armazenamento externo: Pesquise sempre se há memória dedicada para os dados, geralmente 4 ou 8 GB. E não compre tablet sem entrada para cartões de memória, pois certamente você irá utilizar um.

Foto, Vídeo e Som: Aqui depende do quanto você usará estes recursos. Caso goste de fotos, veja se as resoluções da câmera traseira (se tem flash, qualidade da foto, etc), e dianteira (resolução). O audio é difícil de saber a qualidade até que se ouça, se possível vá a uma loja com um fone de ouvido e faça o teste ao vivo.

Internet e 3G: Pesquise na internet se o modelo pretendido apresenta alguma dificuldade com WI-Fi. E veja se suporta ao menos 3G com modem externo (há quem não faça questão disto).

Tamanho e Resolução de tela: O tamanho da tela determina o conforto visual para ler as notícias e conteúdos, além do tamanho geral do aparelho. Muitos usam o modelo de 7″, mas uma tendência é surgir mais modelos de 8 a 10 polegadas, estilo o IPAD Mini.
Resolução costuma ser 800 x 480,  e mesmo que maior, não muda a quantidade de informação que cabe na tela, apenas a qualidade. Quanto maior, melhor, mas novamente, depende do uso do tablet.

Sistema operacional: Se Android, só aceite versões a partir da 4.0, anterior a isto é muito antigo e você perderá recursos interessantes da nova versão.

E como último toque, vale lembrar… para mim, tablet não substitui Notebook ou Pc de mesa, é mais um equipamento de entretenimento e navegação, redes sociais, etc… Fora digitar um pequeno texto aqui e ali, o trabalhar em um tablet é um tanto desconfortável, pois ele não foi projetado especificamente para isto.

Quer indicar um modelo bom e barato? Entre nos comentários e dê sua contribuição.

Até a próxima!

2 comentários em “Tablets de menor custo, vale a pena?

  1. Comprei um Philco Tablet 7″. Android 4, 1 Gb de RAM, 4 Gb de Memória Interna. Processador ARM 1ghz. WI-FI, HDMI. Está dando conta do recado pra uso de navegação, leitura de e-books (epub) e mp3 player.

    1. Legal, alexbr. Eu estou pesquisando alguma coisa para mim, mas já tenho um tablet aqui pra criançada ver desenhos e joguinhos, é um CCE TR71, bom modelo para esta finalidade, além de ser nacional e ter alguma garantia.

      Um abraço e continue nos acompanhando!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »