Notícias

Pra ver a banda (larga) passar…

Dias atrás, eu andei notando a lentidão na internet que eu tenho em casa e decidi expandí-la dos atuais 10MB para 30MB. Eu vinha relutando pois a princípio não parecia necessário, a gente sempre pensa, ‘é só esperar uns 2 minutos a mais que o download termina, isso não é realmente importante’, mas na prática a coisa não é bem assim.

Eu já fui cliente dos sistemas ADSL (1, 2 e 4 MB) e Cabo (1, 10, e agora 30 Mb). Eu vinha sentindo que minha internet já não dava mais conta de tudo que eu tinha ‘pendurado’ nela. Conectada a rede wi-fi de casa eu tinha 2 computadores, 3 tablets, 2 câmeras de monitoramento e eventualmente os celulares da família e de quem me visitasse, além do Media player da tv, conectado a Internet.

Em momentos ‘de pico’, onde estávamos utilizando o media player, tablets e o computador ligado, notava-se atraso no vídeo, e lentidão nos downloads, seja no celular ou no computador/tablet. Tudo querendo atenção da internet, o resultado era travamento em todos os sistemas e queda na conexão por vezes.

No fim, a conclusão que eu chego é que de mesma forma que os disquetes foram superados pelos CDS, e os pelos DVDS, e pelos Pendrives, e HDs externos, o consumo de banda vem crescendo rapidamente, pois agora temos aplicações conectadas diretamente a internet, vídeos em streamming, compra de conteúdos direto da TV, entre outras coisas. E nada disto funciona bem sem a internet de alta velocidade – inclusive para upload.

Enfim, fiz alguns testes com os novos 30MB e estou bem satisfeito. Voltei a ter a agilidade de outros tempos, e até o momento, nada de travamentos ou lentidões… não me importa tanto a rapidez dos downloads, mas que a rede não fique lenta em aplicações de vídeo online ou outras que precisem de fluxo contínuo dos dados.

E pra quem quer investir e por um sorriso no rosto, fica a dica: Procure serviços de internet via fibra ótica. Amigos meus tem e dizem ser muito bom também, apenas é um pouco restrito a algumas regiões das grandes cidades.

É isso aí, até a próxima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »