Android & IOS, Notícias

O guia do SdCard, e dicas para aproveitar melhor seu cartão

O cartão de memória Secure Disk, popularmente conhecido como SdCard, é um dos tipos de memória de armazenamento mais populares hoje em dia.

Apesar de coexistir junto com outros meios de armazenamento similar, como PenDrives, MMC, MemoryStick e outros formatos, o SdCard vem se tornando um padrão adotado por todas os fabricantes de hardware, mesmo a Sony, que já tentou criar o seu padrão (Memory Stick), hoje também utiliza o SdCard em suas câmeras.

Como surgiu o SdCard?

Em agosto de 1999, Matsushita Eletric (mais conhecida pela sua marca Panasonic), SanDisk e Toshiba anunciaram um acordo de colaboração para o desenvolvimento, especificação e promoção de um padrão de cartão de memória chamado SD Memory Card. Medindo 24 mm × 32 mm × 2.1 mm, o novo cartão ofereceria proteção de copyright compatível com o padrão SDMI (Secure Digital Music Initiative) e capacidade de memória de alta densidade. O padrão seria projetado para concorrer com o formato Memory Stick da Sony, lançado em 1998.

Na feira CES (Consumer Electronic Show), dedicado as empresas de eletro-eletrônicos) do ano 2000, Matsushita, SanDisk e Toshiba anunciaram a criação de uma associação aberta para definir as especificações do formato SD e promover seu uso em dispositivos digitais. A nova organização, chamada SDAssociation (SDA), tem sede na Califórnia e entre os seus membros executivos estão representados cerca de 30 empresas de alta-tecnologia e mídia. A produção dos cartões SD teve início no primeiro trimestre de 2000, com as primeiras entregas no segundo trimestre do mesmo ano, disponível nas capacidades de 32 e 64 megabytes.

SDCard  – Capacidade

Os cartões SD possuem 3 tipos, quanto a capacidade, veja:

 

SD Standardsd SDHC Standardsdhc SDXC Standardsdxc
Capacidade até 2GB mais de 2GB
até 32GB
mais de  32GB
até 2TB
Sistema de arquivos
FAT 12, 16 FAT 32 exFAT

Mas afinal, o que cabe em média em um SD? Veja na tabela abaixo uma amostra:

 4 GB  8 GB  16 GB  32 GB
Músicas
(MP3)
 480  960  1920  3840
Fotos
(18 Megapixels)
 310  620  1240  2480
 Vídeos
(1080p 13 Mbps)
 40 min.  80 min.  2:45 h.  5:18 h.

 

SDCard  – Velocidade

Os cartões MicroSD possuem diversas velocidades, conhecidas aqui como Classes. Estas classes foram sendo aprimoradas à medida que surgia a necessidade de mais velocidade nos acesso aos dados do cartão.

Por exemplo, em uma câmera digital a velocidade de acesso ao MicroSD interfere no tempo de espera de liberar o aparelho para a próxima foto.

Em um celular, é mais perceptível ainda a diferença, pois muitos dados vão sendo armazenados no cartão, além das fotos que ele também pode salvar lá.

A classe de velocidade (Speed Class) determina a performance mínima de gravação de dados nos dispositivos.
As classes definidas são 2, 4, 6 e 10, sendo a 10 a classe mais rápida.

Além das classes, existe um cartão mais rápido que a classe 10, são os cartões UHC. Eles só são totalmente aproveitados em dispositivos que suportem UHC.

Interface Tipo de cartão Marca gráfica Velocidade Versão
Normal SD, SDHC e SDXC sd Classes 2Mb/s
4Mb/s
6Mb/s
10Mb/s
1.01
Alta velocidade
(high speed)
SD, SDHC e SDXC sdHCXC 25MB/s 2.00
UHS-I SDHC e SDXC sd 50MB/s (SDR50, DDR50)
104MB/s (SDR104)
3.01
UHS-II SDHC e SDXC 156MB/s
312MB/s
4.00

 

SD comparação
Três tipos de cartões. O Sony é mais lento, enquanto que Sandisk e Samsung estão empatados no quesito velocidade.

 

SD Card – Tamanhos

Para entendermos melhor o SD Card vamos colocar aqui os três tipos existentes.

SD – Tem aproximadamente o tamanho de um selo, e foi adotado em máquinas digitais, PDAs e alguns celulares na época de seu lançamento.

miniSD  – Ligeiramente menor que o SDCard, foi desenvolvido para acompanhar a evolução e miniaturização de
Celulares, Mp3Players e câmeras digitais.

microSD – Atualmente a menor versão do SD, e largamente utilizados em celulares (onde o espaço é crucial), máquinas digitais e outros dispositivos menores como gravadores de voz digitais entre outros.

 SD miniSD microSD
Tamanho SD Card SD Card SD Card
Tipo de cartão SD, SDHC, SDXC SD, SDHC SD, SDHC, SDXC
Physical Area 768 mm2 (100) 430 mm2 165 mm2
Card Volume 1,613 mm3 (100) 602 mm3 165 mm3
Espessura 2.1 mm 1.4 mm 1.0 mm
Peso Approx. 2g Approx. 1g Approx. 0.5g
Pinos 9 pinos 11 pinos 8 pinos
Sistema de arquivos FAT16/32 FAT16/32 FAT16/32
Voltagem 2.7V – 3.6V 2.7V – 3.6V 2.7V – 3.6V
Trava contra gravação SIM NÃO NÃO

 

Por que o MicroSD é mais vantajoso ?

A despeito de seu preço, pouco maior que outros SDs de mesma capacidade, o MicroSD possui diversas vantagens, veja:

  •  Possui total compatibilidade com aparelhos que usam SD ou MiniSD, por meio de adaptadores (sem perda de velocidade)
  •  Como são muito demandados, possuem diversas velocidades, atendendo melhor cada tipo de aparelho
  • Podem com facilidade substituir pendrives, pois existem adaptadores USB que os transformam em pen-drive.
  • Por serem os menores em tamanho e serem adaptáveis, podem acompamnhar a evolução e ainda serem úteis em outros aparelhos de menor demanda. Por exemplo, trocar o SD do telefone e passá-lo para um GPS.
sd-adapter
Adaptadores para o microSD: ‘Jaquetas’ para miniSD e SD – a esquerda, e para pendrive USB – à direita

 

Dicas para otimizar o uso dos cartões

Todos os cartões SD no geral possuem boa vida útil. Porém a qualidade dos fabricantes dita o uso e a confiabilidade em cada cartão no seu ambiente. Óbvio que ninguém pretende comprar cartões de baixa qualidade, mas muitas vezes se acumulam cartões que vem com celulares, tablets e outros dispositivos que digamos, não são de marcas conhecidas. Por isto, siga estas dicas e aproveite todos os seus cartões.

  • Aparelhos que gravam com frequência devem utilizar cartões de marcas reconhecidas, como Kingston, Sandisk, Samsung, etc…
  • Aparelhos que precisam de velocidade, podem se beneficiar dos cartões Classe 10 ou mesmo SD UC (melhor velocidade)
  • Aparelhos que onde o SD é utilizado mais para leitura (players de Mp3 e Video, tablets, etc), podem utilizar cartões menos rápidos e mesmo de marcas não tão conhecidas
  • Sobrando cartões de capacidade média e de boa confiabilidade, guarde-os como memória reserva na sua câmera digital (já fiquei com o cartão da câmera cheio em uma viagem, e isto realmente me ajudou). Aproveite também para dar ao seu tablet, um fôlego extra, deixando um cartão com ele.
  • Aparelhos que não possuem muito crescimento de dados (como GPS por exemplo), podem receber os cartões de capacidade menor, que aos poucos tendem a perder utilidade para maiores armazenamentos
  • O que sobrar de cartões menores, pode servir como pendrive (com adaptadores) e ser utilizado para ver vídeos na sua SmartTv, ou HomeTheather. Ainda, pode ser o seu pendrive reserva, aquele que você usa para trasnportar arquivos de um local para outro.
  • Convém lembrar que cartões sd ‘sem marca’, devem ser utilizados em tarefas não-críticas, e recomenda-se sempre ter um backup destes cartões em outras mídias.
  • Não confie muito em sites chineses para cartões de memória. Muitos deles não tem controle dos fornecedores, e em cartões de grande capacidade, a chance de se comprar um falsificado é grande. Exceção feita ao Dx.com, que trabalha com produtos originais, o restante recomendo atenção na hora da compra.
  • E a dica que vale para todos os cartões: Só compre um cartão de memória ultra veloz e de alta capacidade, se seu aparelho o suportar. Faça uma pesquisa na Internet e descubra se alguém já usa este cartão, para evitar transtornos.

Fontes:
http://mymacintoshcollection.com/micro-sd-cards/little-micro-secure-digital-cards
http://pt.wikipedia.org/wiki/Secure_Digital_Card

 

5 comentários em “O guia do SdCard, e dicas para aproveitar melhor seu cartão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »