Comportamento, Opinião

A internet e suas ondas

tecnologia_modernaHá algum tempo estou notando um burburinho em torno dos neo-famosos – os ‘youtubers’ – , aqueles que se dispõem a gravar vídeos na internet para contar suas experiências ou mesmo comentar algum tema de seu interesse.

Muita gente lendo a respeito dos altos lucros destes novos famosos (ou de uma minoria deles), decide se jogar ao mar na esperança de alcançar o sucesso um dia.

Pesquise por algo simples no youtube, como limpeza de estofamentos, e verá o quanto de pessoas publicaram vídeos a respeito. Não raro, notará que o s vídeos não são aleatórios, mas parte de uma gama de episódios gravados em um formato de canal – ou seja: não é um vídeo de um usuário, é um vídeo de um youtuber (ou candidato a).

Infelizmente, muitos desistirão por falta de tempo,paciência , ou por não ter talento mesmo com a câmera.

E quando essa onda passar, apenas os mais fortes, os mais preparados e com maior tempo de janela, ficarão para contar esta história, onde todo mundo acordou um belo dia querendo ser youtuber.

Por já passar dos 30, posso dizer que esta é apenas mais uma das ‘febres do ouro’ que a internet já passou. Em meados dos anos 90, todo mundo queria ter um site, não importava muito a finalidade. Com o tempo, viu-se que cada site deve ter seu conteúdo definido e especializado.

Mais recentemente, surgiram os apps para celular, uma onda que ainda não passou totalmente, mas tem perdido um pouco de espaço. Hoje, qualquer desenvolvedor sonha em ter seu app para celular vendendo 10.000.000 de cópias, a R$1,00 cada.
Também está ficando claro que deve haver objetivo claro para que um app chame a atenção do publico.

Num segmento mais corporativo, também há ondas, como nas grandes empresas de TV e mídia, quase todas estão lançando seus portais de vídeo on-demand, É Globo Play, GNT Play, FOX Play, enfim tudo nos moldes do Netflix, e como forma de enriquecer a experiência de quem já paga pra assistir TV.

O recado que eu deixo aos amigos leitores é que, ainda que você detecte a grande onda vindo, você precisa de dedicação e as vezes até intuição para saber pra que lado a onda irá, e mesmo força e persistência para subir na onda e não se desprender dela.

E você, já tentou surfar uma destas grandes ondas? Conte-nos a sua experiência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »